Scroll Top

 Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado (a) sobre novas publicações e tenha acesso a conteúdo exclusivo.

Bíblia de Estudo Online

2 Coríntios 9 Estudo: Sua Oferta é a Sua Semente

2 Coríntios 9 Estudo: Sua Oferta é a Sua Semente

Em 2 Coríntios 9, Paulo continua estimulando os Coríntios a contribuírem generosamente com a igreja em Jerusalém.

Ele dá vários e importantes detalhes, sobre como devemos ofertar. Ele compara a nossa oferta a uma semente e diz que a nossa colheita é proporcional a nossa semeadura.

Isso quer dizer que a nossa generosidade deve ser proporcional ao que temos recebido de Deus. A oferta deve ser sinônimo de alegria e não de pesar.

Em seguida, o apóstolo fala sobre o que Deus faz conosco por causa das nossas ofertas. Deus é bom e generoso. Não é seu desejo que soframos dano, porém ele deseja ver a nossa atitude em relação ao seu Reino (Ver Estudo Sobre o Reino de Deus), (Ver 2 Coríntios 8 Estudo).

2 Coríntios 9.1 – 5: Recomendações para a coleta da oferta

1 Não tenho necessidade de escrever-lhes a respeito dessa assistência aos santos.

2 Reconheço a sua disposição em ajudar e já mostrei aos macedônios o orgulho que tenho de vocês, dizendo-lhes que, desde o ano passado, vocês da Acaia estavam prontos a contribuir; e a dedicação de vocês motivou a muitos.

3 Contudo, estou enviando os irmãos para que o orgulho que temos de vocês a esse respeito não seja em vão, mas que vocês estejam preparados, como eu disse que estariam,

4 a fim de que, se alguns macedônios forem comigo e os encontrarem despreparados, nós, para não mencionar vocês, não fiquemos envergonhados por tanta confiança que tivemos.

5 Assim, achei necessário recomendar que os irmãos os visitem antes e concluam os preparativos para a contribuição que vocês prometeram. Então ela estará pronta como oferta generosa, e não como algo dado com avareza.

2 Coríntios 9.6 – 9: Sua oferta é a sua semente

6 Lembrem-se: aquele que semeia pouco, também colherá pouco, e aquele que semeia com fartura, também colherá fartamente.

7 Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria.

8 E Deus é poderoso para fazer que lhes seja acrescentada toda a graça, para que em todas as coisas, em todo o tempo, tendo tudo o que é necessário, vocês transbordem em toda boa obra.

9 Como está escrito: “Distribuiu, deu os seus bens aos necessitados; a sua justiça dura para sempre”.

2 Coríntios 9.10 – 15: O que Deus faz com nossas ofertas

10 Aquele que supre a semente ao que semeia e o pão ao que come, também lhes suprirá e multiplicará a semente e fará crescer os frutos da sua justiça.

11 Vocês serão enriquecidos de todas as formas, para que possam ser generosos em qualquer ocasião e, por nosso intermédio, a sua generosidade resulte em ação de graças a Deus.

12 O serviço ministerial que vocês estão realizando não está apenas suprindo as necessidades do povo de Deus, mas também transbordando em muitas expressões de gratidão a Deus.

13 Por meio dessa prova de serviço ministerial, outros louvarão a Deus pela obediência que acompanha a confissão que vocês fazem do evangelho de Cristo e pela generosidade de vocês em compartilhar seus bens com eles e com todos os outros.

14 E nas orações que fazem por vocês, eles estarão cheios de amor por vocês, por causa da insuperável graça que Deus tem dado a vocês.

15 Graças a Deus por seu dom indescritível!

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Faça Parte da Nossa Comunidade!

Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado sobre novas publicações.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.