Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado (a) sobre novas publicações e tenha acesso a conteúdo exclusivo.

Bíblia de Estudo Online

Marcos 7 Estudo: Jesus e a Tradição dos Homens

Marcos 7 Estudo: Jesus e a Tradição dos Homens

Em Marcos 7, Jesus Cristo começa criticando severamente a tradição dos fariseus. Eles criticavam Jesus e seus discípulos por não respeitarem os rituais de purificação.

Todas as vezes que eles se sentavam para comer, tinham que lavar as mãos e todo o antebraço, simbolizando que estavam purificados. Muitas vezes os utensílios usados durante a refeição tinham de ser purificados.

Os líderes religiosos judeus achavam que não deviam ter contato algum com os “pagãos”.

A vida de Jesus Cristo e seu comportamento popular os irritava profundamente, principalmente porque a multidão acreditava que ele era o Filho de Deus.

Jesus Cristo os critica severamente e deixa bem claro que o ser humano é considerado impuro a partir do seu interior. Os seus pensamentos, desejos e intenções determinam se ele é ou não impuro.

Isto ocorre, porque somos movidos pelos nossos pensamentos. Ou seja, aquilo que pensamos determina quem somos.

Em seguida Marcos relata que Jesus estava curando até mesmo pessoas de outras nacionalidades. Ele expulsa demônios de um jovem siro-fenícia a pedido de sua mãe.

Marcos 7 encerra, com mais um testemunho de cura. Dessa vez Jesus curou um homem surdo e mudo.

As pessoas que o viram operar esse milagre testemunhavam: “Ele faz tudo muito bem. Faz até o surdo ouvir e o mudo falar”. (Ver Marcos 6 Estudo).

Marcos 7.1 – 13: Jesus e a “tradição das homens”

1 Os fariseus e alguns dos mestres da lei, vindos de Jerusalém, reuniram-se a Jesus e

2 viram alguns dos seus discípulos comerem com as mãos impuras, isto é, por lavar.

3 (Os fariseus e todos os judeus não comem sem lavar as mãos cerimonialmente, apegando-se, assim, à tradição dos líderes religiosos.

4 Quando chegam da rua, não comem sem antes se lavarem. E observam muitas outras tradições, tais como o lavar de copos, jarros e vasilhas de metal. )

5 Então os fariseus e os mestres da lei perguntaram a Jesus: “Por que os seus discípulos não vivem de acordo com a tradição dos líderes religiosos, em vez de comerem o alimento com as mãos impuras?”

6 Ele respondeu: Bem profetizou Isaías acerca de vocês, hipócritas; como está escrito: “Este povo me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim.

7 Em vão me adoram; seus ensinamentos não passam de regras ensinadas por homens”.

8 Vocês negligenciam os mandamentos de Deus e se apegam às tradições dos homens.

9 E disse-lhes: Vocês estão sempre encontrando uma boa maneira de pôr de lado os mandamentos de Deus, a fim de obedecerem às suas tradições!

10 Pois Moisés disse: “Honra teu pai e tua mãe” e “Quem amaldiçoar seu pai ou sua mãe terá que ser executado”.

11 Mas vocês afirmam que se alguém disser a seu pai ou a sua mãe: “Qualquer ajuda que vocês poderiam receber de mim é Corbã”, isto é, uma oferta dedicada a Deus,

12 vocês o desobrigam de qualquer dever para com seu pai ou sua mãe.

13 Assim vocês anulam a palavra de Deus, por meio da tradição que vocês mesmos transmitiram. E fazem muitas coisas como essa.

Marcos 7.14 – 23: O que sai do homem é o que o torna impuro

14 Jesus chamou novamente a multidão para junto de si e disse: Ouçam-me todos e entendam isto:

15 Não há nada fora do homem que, nele entrando, possa torná-lo impuro. Ao contrário, o que sai do homem é que o torna impuro.

16 Se alguém tem ouvidos para ouvir, ouça!

17 Depois de deixar a multidão e entrar em casa, os discípulos lhe pediram explicação da parábola.

18 “Será que vocês também não conseguem entender?”, perguntou-lhes Jesus. “Não percebem que nada que entre no homem pode torná-lo impuro?

19 Porque não entra em seu coração, mas em seu estômago, sendo depois eliminado. Ao dizer isso, Jesus declarou puros todos os alimentos.

20 E continuou: O que sai do homem é que o torna impuro.

21 Pois do interior do coração dos homens vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios,

22 as cobiças, as maldades, o engano, a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez.

23 Todos esses males vêm de dentro e tornam o homem impuro.

Marcos 7.24 – 30: Jesus cura a filha da siro-fenícia

24 Jesus saiu daquele lugar e foi para os arredores de Tiro e de Sidom. Entrou numa casa e não queria que ninguém o soubesse; contudo, não conseguiu manter em segredo a sua presença.

25 De fato, logo que ouviu falar dele, certa mulher, cuja filha estava com um espírito imundo, veio e lançou-se aos seus pés.

26 A mulher era grega, siro-fenícia de origem, e rogava a Jesus que expulsasse de sua filha o demônio.

27 Ele lhe disse: “Deixe que primeiro os filhos comam até se fartar; pois não é correto tirar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos”.

28 Ela respondeu: “Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos, debaixo da mesa, comem das migalhas das crianças”.

29 Então ele lhe disse: “Por causa desta resposta, você pode ir; o demônio já saiu da sua filha”.

30 Ela foi para casa e encontrou sua filha deitada na cama, e o demônio já a deixara.

Marcos 7.31 – 37: Jesus cura um surdo

31 A seguir Jesus saiu dos arredores de Tiro e atravessou Sidom, até o mar da Galiléia e a região de Decápolis.

32 Ali algumas pessoas lhe trouxeram um homem que era surdo e mal podia falar, suplicando que lhe impusesse as mãos.

33 Depois de levá-lo à parte, longe da multidão, Jesus colocou os dedos nos ouvidos dele. Em seguida, cuspiu e tocou na língua do homem.

34 Então voltou os olhos para o céu e, com um profundo suspiro, disse-lhe: “Efatá!”, que significa “abra-se!”

35 Com isso, os ouvidos do homem se abriram, sua língua ficou livre e ele começou a falar corretamente.

36 Jesus ordenou-lhes que não o contassem a ninguém. Contudo, quanto mais ele os proibia, mais eles falavam.

37 O povo ficava simplesmente maravilhado e dizia: “Ele faz tudo muito bem. Faz até o surdo ouvir e o mudo falar”.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Faça Parte da Nossa Comunidade!

Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado sobre novas publicações.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.