Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado (a) sobre novas publicações e tenha acesso a conteúdo exclusivo.

Bíblia de Estudo Online

Mateus 11 Estudo: A Prisão de João Batista

Mateus 11 Estudo: A Prisão de João Batista

Mateus 11.1 – 6: Momentos de grande pressão muitas vezes abalam a nossa convicção. Preso e em face da morte, a dúvida cerca a fé de João Batista.

Ele já não tem tanta certeza de que Jesus seja o Messias. Mas nesse episódio eu vejo a mão e a bondade de Deus com o seu servo.

Quando os discípulos de João Batista relatam ao Senhor sobre sua dúvida, Jesus responde sem grosseria, desprezo, ou julgamento.

Ele reforça a convicção de João Batista dizendo: “Voltem e anunciem a João o que vocês estão ouvindo e vendo”.

A tarefa dos discípulos de João era reatar ao seu mestre tudo o que Jesus Cristo estava operando.

Os ensinamentos de Jesus e os milagres de Jesus são elementos fundamentais para a saúde da nossa fé.

Não servimos a um Deus morto, fruto da nossa imaginação. O Senhor está vivo e reina para sempre. “Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre”. (Hebreus 13.8)

Mateus 11.7 – 19: Após apresentar um relato com o objetivo de fortalecer a convicção de João Batista, o Senhor Jesus dá testemunho dele.

Jesus declara que João encerra o ciclo dos profetas sendo a figura profética do Elias que haveria de vir, conforme diz a profecia.

Além disso, Jesus Cristo diz que dentre os homens nascidos de mulher nenhum deles é maior do que João Batista.

Eu glorifico a Deus por isso!

Não temos um Deus ingrato e mal. Mesmo sabendo que a fé de João Batista estava sendo a açoitada pela dúvida, ao invés de criticá-lo o Senhor o elogia e defende publicamente.

Muitas vezes como seres humanos não valorizamos toda uma trajetória de vida que as pessoas desenvolvem ao nosso redor e preferimos muitas vezes julgá-las por um momento do que pelo todo.

Quanto a isso é importante que observemos o exemplo do Senhor Jesus Cristo que ao invés de colocar o seu servo na forca, preferiu valorizar o seu bom trabalho.

Mateus 11.20 – 24: Muitas cidades e povos recebem testemunho do Evangelho de Jesus Cristo e escolhem desprezar a mensagem.

A despeito de tudo o que é operado nela por meio da Palavra de Deus elas permanecem indiferentes, incrédulas e desprezam a mensagem da morte e ressurreição de Jesus Cristo.

Vemos neste trecho que o Senhor está atento ao comportamento delas. Cidades corruptas, capitais injustas, centros de pecado, maldade e devassidão serão severamente castigadas pelo Senhor na sua vinda.

Mateus 11.25 – 30: Vivemos em mundo profundamente conturbado e sombrio. Pessoas ansiosas, com medo, preocupadas, estressadas, iradas, sobrecarregadas, etc., são uma constante em nossas vidas.

Jesus Cristo apresenta a si mesmo como solução. Ele faz o convite: “Venham a mim… e eu lhes darei descanso”.

Não importa qual o seu problema ou como você está se sentindo. O convite está de pé. Vá até Jesus e troque de fardo com ele. O nosso é pesado mas o dele é leve. Glória a Deus! (Ver Mateus 10 Estudo)

Mateus 11.1 – 6: João Batista quer saber se Jesus é o Messias

1 Quando acabou de instruir seus doze discípulos, Jesus saiu para ensinar e pregar nas cidades da Galiléia.

2 João, ao ouvir na prisão o que Cristo estava fazendo, enviou seus discípulos para lhe perguntarem:

3 “És tu aquele que haveria de vir ou devemos esperar algum outro?”

4 Jesus respondeu: Voltem e anunciem a João o que vocês estão ouvindo e vendo:

5 os cegos vêem, os aleijados andam, os leprosos são purificados, os surdos ouvem, os mortos são ressuscitados, e as boas novas são pregadas aos pobres;

6 e feliz é aquele que não se escandaliza por minha causa.

Mateus 11.7 – 11: Jesus dá testemunho de João Batista

7 Enquanto saíam os discípulos de João, Jesus começou a falar à multidão a respeito de João: O que vocês foram ver no deserto? Um caniço agitado pelo vento?

8 Ou, o que foram ver? Um homem vestido de roupas finas? Ora, os que usam roupas finas estão nos palácios reais.

9 Afinal, o que foram ver? Um profeta? Sim, eu lhes digo, e mais que profeta.

10 Este é aquele a respeito de quem está escrito: “Enviarei o meu mensageiro à tua frente; ele preparará o teu caminho diante de ti”.

11 Digo-lhes a verdade: Entre os nascidos de mulher não surgiu ninguém maior do que João Batista; todavia, o menor no Reino dos céus é maior do que ele.

Mateus 11.12 – 19: João Batista encerra o ciclo dos profetas

12 Desde os dias de João Batista até agora, o Reino dos céus é tomado à força, e os que usam de força se apoderam dele.

13 Pois todos os Profetas e a Lei profetizaram até João.

14 E se vocês quiserem aceitar, este é o Elias que havia de vir.

15 Aquele que tem ouvidos, ouça!

16 A que posso comparar esta geração? São como crianças que ficam sentadas nas praças e gritam umas às outras:

17 “Nós lhes tocamos flauta, mas vocês não dançaram; cantamos um lamento, mas vocês não se entristeceram”.

18 Pois veio João, que jejua e não bebe vinho, e dizem: “Ele tem demônio”.

19 Veio o Filho do homem comendo e bebendo, e dizem: “Aí está um comilão e beberrão, amigo de publicanos e pecadores”. Mas a sabedoria é comprovada pelas obras que a acompanham.

Mateus 11.20 – 24: Jesus denuncia cidades incrédulas

20 Então Jesus começou a denunciar as cidades em que havia sido realizada a maioria dos seus milagres, porque não se arrependeram.

21 Ai de você, Corazim! Ai de você, Betsaida! Porque se os milagres que foram realizados entre vocês tivessem sido realizados em Tiro e Sidom, há muito tempo elas se teriam arrependido, vestindo roupas de saco e cobrindo-se de cinzas.

22 Mas eu lhes afirmo que no dia do juízo haverá menor rigor para Tiro e Sidom do que para vocês.

23 E você, Cafarnaum, será elevada até ao céu? Não, você descerá até o Hades! Se os milagres que em você foram realizados tivessem sido realizados em Sodoma, ela teria permanecido até hoje.

24 Mas eu lhe afirmo que no dia do juízo haverá menor rigor para Sodoma do que para você.

Mateus 11.25 – 30: O julgo de Jesus Cristo

25 Naquela ocasião Jesus disse: Eu te louvo, Pai, Senhor dos céus e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos, e as revelaste aos pequeninos.

26 Sim, Pai, pois assim foi do teu agrado.

27 Todas as coisas me foram entregues por meu Pai. Ninguém conhece o Filho a não ser o Pai, e ninguém conhece o Pai a não ser o Filho e aqueles a quem o Filho o quiser revelar.

28 Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso.

29 Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.

30 Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Faça Parte da Nossa Comunidade!

Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado sobre novas publicações.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.