Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado (a) sobre novas publicações e tenha acesso a conteúdo exclusivo.

Bíblia de Estudo Online

Tito 1 Estudo: Recomendações de Paulo a Tito

Tito 1 Estudo: Recomendações de Paulo a Tito

Em Tito 1, Paulo procura dar a Tito instruções específicas para organização da Igreja em Creta. O desafio de Tito era lidar com mestres insubordinados e a perversão das pessoas da época.

Tito 1.1 – 4: Saudação 

Comentário

Normalmente o apóstolo Paulo se apresenta como “servo de Cristo”, apenas na sua carta a Tito ele se apresenta como “servo de Deus” (Romanos 1.1; Gálatas 1.10; Filipenses 1.1).

Tito é para Paulo, um filho querido. Daí a referência “a Tito, meu verdadeiro filho em nossa fé comum”. Ele dá destaque a fé e conhecimento produzidos pelo novo nascimento. São superiores a tudo o que e natural por estar fundamentado na esperança da vida eterna em Jesus Cristo.

1 Paulo, servo de Deus e apóstolo de Jesus Cristo para levar os eleitos de Deus à fé e ao conhecimento da verdade que conduz à piedade,

2 fé e conhecimento que se fundamentam na esperança da vida eterna, a qual o Deus que não mente prometeu antes dos tempos eternos.

3 No devido tempo, ele trouxe à luz a sua palavra, por meio da pregação a mim confiada por ordem de Deus, nosso Salvador,

4 a Tito, meu verdadeiro filho em nossa fé comum: Graça e paz da parte de Deus Pai e de Cristo Jesus, nosso Salvador.

Tito 1.5 – 9: Instrução a Tito sobre os líderes da Igreja 

Comentário

A vocação para o ministério deve ser confirmada pelo bom testemunho. Paulo indica a Tito quais as características que ele deve observar, antes de nomear os dirigentes da Igreja.

Pessoas desajustadas, caloteiras, gananciosas, beberrões, antipático e antissocial não podem de maneira nenhuma dirigir a Igreja de Deus.

5 A razão de tê-lo deixado em Creta foi para que você pusesse em ordem o que ainda faltava e constituísse presbíteros em cada cidade, como eu o instruí.

6 É preciso que o presbítero seja irrepreensível, marido de uma só mulher, e tenha filhos crentes que não sejam acusados de libertinagem ou de insubmissão.

7 Por ser encarregado da obra de Deus, é necessário que o bispo seja irrepreensível: não orgulhoso, não briguento, não apegado ao vinho, não violento, nem ávido por lucro desonesto.

8 É preciso, porém, que ele seja hospitaleiro, amigo do bem, sensato, justo, consagrado, tenha domínio próprio

9 e apegue-se firmemente à mensagem fiel, da maneira como foi ensinada, para que seja capaz de encorajar outros pela sã doutrina e de refutar os que se opõem a ela.

Tito 1.10 – 14: Tito é instruído a permanecer na Palavra de Deus 

Comentário

A insubordinação de alguns pode levar uma congregação a ruína. Por isso Tito 1. 10 – 14, trás a instrução para permanecer na Palavra de Deus.

A perversão das pessoas de Creta havia chegado a um ponto alto. Muitos líderes pregavam por ganancia, e famílias inteiras estavam sendo arrastadas por eles.

Tito é instruído a combatê-los de forma enérgica com a genuína Palavra de Deus.

10 Pois há muitos insubordinados, que não passam de faladores e enganadores, especialmente os do grupo da circuncisão.

11 É necessário que eles sejam silenciados, pois estão arruinando famílias inteiras, ensinando coisas que não devem, e tudo por ganância.

12 Um dos seus próprios profetas chegou a dizer: “Cretenses, sempre mentirosos, feras malignas, glutões preguiçosos”.

13 Tal testemunho é verdadeiro. Portanto, repreenda-os severamente, para que sejam sadios na fé

14 e não deem atenção a lendas judaicas nem a mandamentos de homens que rejeitam a verdade.

Tito 1.15,16: A diferença entre os puros e impuros

Comentário

Paulo encerra Tito 1, dizendo a Tito que puros e impuros têm pontos de vista bem diferentes. Isto por causa, da mente de cada um.

Os puros têm a mente de Cristo (1 Coríntios 2:16) e o Espírito Santo os leva, a pensar nas coisas do alto (Filipenses 4:8).

Em contrapartida, os impuros estão com a mente corrompida. Não conseguem discernir, perfeitamente a justiça de Deus.

15 Para os puros, todas as coisas são puras; mas para os impuros e descrentes, nada é puro. De fato, tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas.

16 Eles afirmam que conhecem a Deus, mas por seus atos o negam; são detestáveis, desobedientes e desqualificados para qualquer boa obra.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Faça Parte da Nossa Comunidade!

Gostou do nosso conteúdo? Cadastre seu e-mail e seja informado sobre novas publicações.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.